Wikia

Conlang

Kryptoniano

Discussão0
444 pages em
Este wiki

O Kryptoniano (Kryptonian, em inglês) é uma língua artística supostamente falada em Krypton, o planeta natal de Kal-El, o Superman ou Super-homem.

Por muito tempo, a escrita kryptoniana foi representada nos quadrinhos por letras de aparência alienígena, rabiscadas ao acaso. Na década de 1970, E. Nelson Bridwell tentou racionalizar esses rabiscos em um alfabeto de 118 letras e chamou essa linguagem de kryptonês (Kryptonese, em inglês).

Em 2000, a DC Comics introduziu um alfabeto kryptoniano para a linguagem escrita e abandonou o nome de kryptonês, passando a usar apenas kryptoniano, mas todos os escritos que apareceram subseqüentemente nos gibis eram simplesmente inglês escrito com esse alfabeto, assim como se faz com o Interlac no gibi Legion of Superheroes.

No seriado Smalville, o kryptoniano escrito foi representado como tendo um componente logográfico. Alguns símbolos representam palavras ou nomes próprios, embora o alfabeto kryptoniano também seja usado.

No desenvolvimento da nova versão da língua de Krypton, o termo kryptoniano veio a representar a linguagem falada no planeta desaparecido na sua escrita própria, ao passo que kryptonês passou a referir-se ao kryptoniano transliterado em Alfabeto latino ou a inglês transliterado no alfabeto kryptoniano.

O autor do novo alfabeto, Darren Doyle, criou uma gramática e um dicionário básicos para o kryptoniano. Em sua versão da história dessa língua, o alfabeto de 118 letras organizado por Bridwell passou a ser referido como kandoriano ou kryptoniano antigo, língua usada na cidade e nação de Kandor antes da unificação de Krypton em uma Federação Planetária. O kryptoniano moderno não é uma simples evolução do kandoriano, mas uma língua auxiliar muito bem sucedida, difundida após a formação da Federação.

História (ficcional) Editar

O Kandoriano (também chamado Kryptoniano antigo) foi a língua da nação científica de Kandor antes da unificação planetária do governo de Krypton sob a Federação Planetária.

Na versão original da história de Krypton, como as circunstâncias da unificação fizeram da nação científica a influência cultural dominante, o kandoriano veio a ser a língua oficial do governo recém-formado e, eventualmente, a língua franca planetária. Com o tempo, os falantes nativos de outras línguas kryptonianas reduziram-se a nada, com a exceção do Vath, devido principalmente à independência da nação Vathlo.

Após a "Crise das Infinitas Terras", porém, a história de Krypton foi reformulada. Na nova versão, um dos primeiros atos do Conselho Científico governante da nova Federação Planetária foi formar um comitê para criar uma língua artificial unificadora para o novo governo, baseada nas cinco "vozes paternas" (Kandoriano, Vath, Twenx, Urrikan e Lurvanish), que veio a ser o kryptoniano moderno.

Fonética e escrita Editar

O novo alfabeto kryptoniano é composto de 33 caracteres (24 consoantes e 9 vogais).

Consoantes:

Kryptoniano
Consonants-k
AFI
Consonants-ipa
Transliteração
Consonants-e

Vogais:

Vogais básicas Vogal extra Ditongos
Kryptoniano
Vowels-k
Voweli-k
Diphthongs-k
AFI
Vowels-ipa
Voweli-ipa
Diphthongs-e
Transliteração
Vowels-e
Voweli-e
Diphthongs-e

Caráter especial:

Existe ainda um caráter especial para representar a partícula wuh (preposição que indica o acusativo):Wuh

Numerais Editar

Numbers-k

Numeros-p

Embora os kryptonianos representem os números com um sistema posicional e decimal, o número 10 é representado por um único algarismo. O zero é usado apenas para representar quantidade nula.

O primeiro número de dois dígitos, portanto, é 11, que é representado como 1(10), depois 12, representado como 2(10). Ou seja, os numerais são escritos na ordem inversa da usada em nosso sistema, o que reflete a maneira como são compostas na linguagem falada (veja Numerais, abaixo). Por exemplo:

Numbers2-k

Numbers2-e

Os ordinais são representados por um traço abaixo do número:

Kryptonordinais2


1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º 13º 14º


Morfologia Editar

Substantivos Editar

GêneroEditar

A primeira vogal nas palavras que descrevem seres sexuados indica o gênero. Na linguagem formal, costuma-se usar o gênero neutro, tanto para o falante quanto para seu interlocutor.

  • neutro em ao- forma o feminino com i- e o masculino com u-;
  • neutro em eh- forma o feminino com e- e o masculino com o-;
  • neutro em uh- forma o feminino com a- e o masculino com ah-.

Exemplos: shehd (pessoa), shed (mulher), shod (homem); kuhl (criança), kal (menina), kahl (menino); khaom (animal), khim (fêmea), khum (macho).

Algumas palavras contêm a vogal y, variante de eh. Estas palavras, geralmente coletivos ou títulos formais, raramente são flexionadas em gênero. Por exemplo: bythguhr (governante), bethguhr (rainha), bothguhr (rei).

Número Editar

Existem muitas formas de número gramatical em kryptoniano. Assim, a partir do singular shed (pessoa), obtém-se, além do plural simples, seis formas de "plural comparativo":

  • -o, "plural": shedo (pessoas)
  • -uju, "todos": sheduju (todas as pessoas)
  • -use, "a maioria": sheduse (a maioria das pessoas)
  • -u, "muitas": shedu (muitas pessoas)
  • -ah, "poucas": shedah (poucas pessoas)
  • -ahzha, "ausente": shedahzha (pessoas esperadas, mas ausentes)
  • -ahjah, "nenhuma": shehdahjah (ninguém)

Artigo Editar

Existe apenas o artigo definido tiv (o, a), que concorda em número com o substantivo ao qual está associado da seguinte maneira:

  • tiv shehd - a pessoa
  • tuv shehduju - todas as pessoas
  • tuv shehduse - a maioria das pessoas
  • tuv shehdu - as muitas pessoas
  • tov shehdo - as pessoas
  • tahv shehdah - as poucas pessoas
  • tahv shehdahzha - as pessoas que estão faltando
  • tahv shehdahjah - nenhuma das pessoas

Pronomes Editar

PessoaisEditar

  • Primeira pessoa: khuhp (eu, neutro), khap (eu, feminino), khahp (eu, masculino)
  • Primeira+segunda pessoa (nós inclusivo): kryp
  • Segunda pessoa: rraop (tu, neutro), rrip (tu, feminino), rrup (tu, masculino)
  • Terceira pessoa: zhehd (ele, neutro), zhed (ela), zhod (ele)
  • Terceira pessoa (objeto ou animal): ghao (ele, neutro), ghi (ela), ghu (ele)

Esses pronomes, assim como os substantivos, fazem o plural em -o: khapo (nós, exclusivo), rraopo (vós), zhehdo (eles).

PossessivosEditar

  • Primeira pessoa: khuhtiv (meu), khativ, khahtiv
  • Primeira+segunda pessoa (nós inclusivo): krytiv (nosso)
  • Segunda pessoa: rraotiv (teu), rritiv, rrutiv *Terceira pessoa: zhehdiv (seu), zhediv (dela), zhodiv (dele)
  • Terceira pessoa (objeto ou animal): ghaotiv (seu), ghitiv (dela), ghutiv (dele)

Os possessivos sempre precedem o substantivo que qualificam e tomam o lugar do artigo. Gramaticalmente, não há como indicar propriedade de um substantivo indefinido. Esses possessivos são flexionados como o artigo, por exemplo:

  • khuhtuv shehdu - muitas das minhas pessoas
  • khuhtov shehdo - meu pessoal
  • khuhtahv shehdah - poucas das minhas pessoas

Quando se indica o possuidor, este precisa preceder imediatamente o pronome possessivo. O pronome usado é o que seria usado para se referir ao possuidor e o possessivo concorda com este em gênero. Por exemplo:

  • ukuhr zhodiv unah - o filho do pai (literalmente: "pai seu filho")
  • ieiu zhidiv unah - o filho da mãe (literalmente: "mãe seu filho")
  • ukuhr zhodov unaho - os filhos do pai (literalmente: "pai seus filhos")
  • ieiu zhidov unaho - os filhos da mãe (literalmente: "mãe seus filhos")
  • ehl ghaotiv ndivi - a luz das estrelas (literalmente: "estrela sua luz")

Quando o possuidor é um pronome no plural, este precisa preceder o possessivo. Por exemplo:

  • rraopo rraotiv unah - seu filho (literalmente: "vós vosso filho")
  • zhehdo zhehdiv unah - seu filho (literalmente: "eles seu filho")
  • ghaoo ghaotiv unah - seu filho (literalmente: "eles(animais)) seu filho"

Numerais Editar

Cardinais:

  • 0. zhachahv
  • 1. chahv
  • 2. tav
  • 3. non
  • 4. ten
  • 5. suzh
  • 6. kizh
  • 7. duhv
  • 8. ghehn
  • 9. rraozh
  • 10. byth

Números acima de dez são formados com sufixos que representam as dezenas, que são os primeiros cardinais sem a consoante inicial:

  • -ahv (+10): chahvahv, 11; tavahv, 12; bythahv, 20.
  • -av (+20): chahvav, 21; bythav, 30.
  • -on (+30): nonon, 33; suzhon, 35
  • -en (+40): kizhen, 46
  • -uzh (+50): duhvuzh, 57
  • -izh (+60): tenizh, 64
  • -uhv (+70): duhvuhv, 77
  • -ehn (+80): ghehnehn, 88
  • -aozh (+90): rraozhaozh, 99; bythaozh, 100
  • -yth (+100): suzhyth, 105; bythyth, 110

Os ordinais são formados com o sufixo -ehd: chahv (um) > chahvehd (primeiro); non (três), nonehd (terceiro).

O numeral (cardinal ou ordinal) vem sempre entre um artigo ou pronome possessivo e o substantivo: não há como atribuir um numeral a um substantivo indefinido. O nome é usado no singular quando se trata de unidade ou fração e os plurais comparativos, quando usados, referem-se ao número total. Exemplos:

  • tiv chahv chahs: a uma mesa
  • tov tav chahso: as duas mesas
  • tuv bythaozh chahsuju: todas as cem mesas
  • tuv bythaozh chahsuse: a maioria das cem mesas
  • tuv bythaozh chahsu: muitas das cem mesas
  • tahv bythaozh chahsah: poucas das cem mesas
  • tahv bythaozh chahsahjah: nenhuma das cem mesas

O plural fantante é usado no lugar do plural simples quando se refere a coisas cujo paradeiro é desconhecido:

  • .tanahnodh khuhtahv ten chahsahzha wuh tatahn - Onde estão minhas quatro mesas?
  • .zhaskilorrodh khuhp wuh tahv suzh ehlahzha - Não consigo ver as cinco estrelas.

Verbos Editar

Os verbos são conjugados em três tempos, futuro, presente e pretérito; e três aspectos, progressivo, perfeito e simples, sendo cada uma das nove combinações marcadas por um sufixo:

  • Progressivo
    • futuro progressivo: -i
    • presente progressivo: -es
    • pretérito progressivo: -as
  • Perfeito
    • futuro perfeito: -ao
    • presente perfeito: -ehth
    • pretérito perfeito: -uhsh
  • Simples
    • futuro simples: -u
    • presente simples: -odh
    • pretérito simples: -ahzh

As formas básicas ou infinitivas dos verbos (sem sufixo) indicam capacidade. Por exemplo:

  • eworr: capaz de falar
  • eworri: estará falando
  • eworres: está falando
  • eworras: estava falando
  • eworrao: terá falado
  • eworrehth: tem falado
  • eworruhsh: tinha falado
  • eworru: falará
  • eworrodh: fala
  • eworrahzh: falou

Sintaxe Editar

O kryptoniano moderno é uma linguagem altamente sintética com alguma aglutinação. A ordem usual das palavras é Verbo Sujeito Objeto (VSO). O objeto é marcado pela partícula wuh. Exemplos:

  • ulorr tiv kahl wuh zhehdiv ukuhr - [ouvir+capaz o menino (obj) seu pai] - O menino pode ouvir seu pai.
  • ulorrodh tiv kahl wuh zhehdiv ukuhr - [ouvir+presente o menino (obj) seu pai] - O menino ouve seu pai.
  • ulorrahzh tiv kahl wuh zhehdiv ukuhr - [ouvir+passado o menino (obj) seu pai] - O menino ouviu seu pai.
  • ulorru tiv kahl wuh zhehdiv ukuhr - [ouvir+futuro o menino (obj) seu pai] - O menino ouvirá seu pai.

Espécimes Editar

Pai-Nosso:

.krytiv ukuhr zvot mishidh
.nahnes rraotiv threv w kheth
.zhgamodh rraotiv bythguhriehb
.rrivodh rraotiv ndyvlo zvot uhrth zvaol mishidhvot
.chadodh tsuhgemzeht rraop w krypim krytiv shpahgh mzehtia
;zov mzhalishodh rraop w kryp krytiv ehrodho zvaol mzhalishes vahdhav kryp w krytiv ehrodhiumo
;zov zhazrhiges rraop w kryp zbim dolzrheg
;zao zrhiges rraop w kryp zguhs tiv udolgehd
;zuhne kehpodh tsuhjilo rraop w tiv bythguhrieb chao tiv rao chao tiv mdhiviao
.ahmehn

Ligações externas Editar

Rede da Wikia

Wiki Aleatória